Governo Federal lança plano para a Retomada do Turismo

Segundo Álvaro Antonio este ato representa a coalizão do turismo brasileiro para a retomada do setor. 

Na tarde desta terça-feira (10), no Palácio do Planalto em Brasília, o governo federal por meio do presidente Jair Bolsonaro, do Ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antonio, do presidente da Embratur Gilson Machado Neto e de vários representantes do trade turístico nacional lançaram o Plano de Retomada do Turismo Brasileiro.

O Ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio antes de entrar no mérito do evento reforçou a importância que o governo de Jair Bolsonaro tem dado ao segmento  “Pela primeira vez na história o presidente da República abre as portas do palácio para que houvesse um evento dessa magnitude envolvendo todo trade do turismo brasileiro, mostrando que o senhor tem a sensibilidade de reconhecer o que o turismo representa. São mais de 7 milhões de empregos e 8.1% do PIB nacional”, elencou o ministro citando a fala anterior do presidente da Embratur, Gilson Machado Neto.

Coalisão com retomada

Segundo Marcelo, as três medidas provisórias aprovadas pelo governo (MP 936, MP 948 e MP 963) salvaram empregos e empresas, garantiram o direito do consumidor, evitou cancelamentos de pacotes já vendidos e injetou recursos no setor. “Este evento serve para consolidar uma parceria entre todos os setores do turismo. Uma parceria que o Ministério do Turismo procurou aproximando os setores da economia do turismo”, disse Marcelo, enumerando as entidades e representantes presentes. Trade Turístico, CNM – Confederaçao Nacional dos Municípios, o Fornatur – Fórum Nacional do Turismo, todas as Secretarias de Estado de Turismo, além do Sistema S. “O que acontece aqui é uma grande coalisão, uma grande aliança em favor da retomada do turismo brasileiro”, resumiu.

 

Governo Federal lança plano para a Retomada do Turismo

 
Ministro Alvaro Antonio: ato representa a coalizão do turismo brasileiro para a retomada da economia (Crédito: reprodução de tela)
 
 

Segundo Álvaro Antonio este ato representa a coalizão do turismo brasileiro para a retomada do setor

REDAÇÃO DO DIÁRIO

Na tarde desta terça-feira (10), no Palácio do Planalto em Brasília, o governo federal por meio do presidente Jair Bolsonaro, do Ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antonio, do presidente da Embratur Gilson Machado Neto e de vários representantes do trade turístico nacional lançaram o Plano de Retomada do Turismo Brasileiro.

O Ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio antes de entrar no mérito do evento reforçou a importância que o governo de Jair Bolsonaro tem dado ao segmento  “Pela primeira vez na história o presidente da República abre as portas do palácio para que houvesse um evento dessa magnitude envolvendo todo trade do turismo brasileiro, mostrando que o senhor tem a sensibilidade de reconhecer o que o turismo representa. São mais de 7 milhões de empregos e 8.1% do PIB nacional”, elencou o ministro citando a fala anterior do presidente da Embratur, Gilson Machado Neto.

Trade em peso, por meio de suas associações e confederações, estava presente

Coalisão com retomada

Segundo Marcelo, as três medidas provisórias aprovadas pelo governo (MP 936, MP 948 e MP 963) salvaram empregos e empresas, garantiram o direito do consumidor, evitou cancelamentos de pacotes já vendidos e injetou recursos no setor. “Este evento serve para consolidar uma parceria entre todos os setores do turismo. Uma parceria que o Ministério do Turismo procurou aproximando os setores da economia do turismo”, disse Marcelo, enumerando as entidades e representantes presentes. Trade Turístico, CNM – Confederaçao Nacional dos Municípios, o Fornatur – Fórum Nacional do Turismo, todas as Secretarias de Estado de Turismo, além do Sistema S. “O que acontece aqui é uma grande coalisão, uma grande aliança em favor da retomada do turismo brasileiro”, resumiu.

Gilson Machado, presidente da Embratur: “7 milhões de empregos e 8.1% do PIB nacional”
Mensagem ao turista

O ministro finalizou com uma mensagem ao turista: “A você turista, nós podemos afirmar, que o turismo brasileiro está preparado para recebê-lo. Procure o estabelecimento que contém o Selo do Turismo Responsável. São mais de 23 mil estabelecimentos que obedecem os protocolos de biossegurança, pois se preocupam com a saúde do turista e com o desenvolvimento do nosso Brasil”.

Como era uma cerimônia de lançamento, não foram apresentadas as principais linhas do programa.

O que o DT apurou é que o Plano Nacional de Retomada do Turismo foi construído em parceria com representantes do setor. O Plano organiza ações e foca em dois eixos: segurança para o Brasil retomar o turismo; e empregos para retomar a economia.

Uma das ações previstas no plano é o incentivo do turismo rodoviário no Brasil, com novas regulamentações e regras para o setor. O Governo Federal quer, por exemplo, elaborar um projeto para concessão de rodoviárias interestaduais, intermunicipais e urbanas de todo o País. A ideia é modernizar essas estruturas para melhor atender ao turista.

Fonte Diário do Turismo