Pé na Estrada, conheça o Jetta 2.5

O sedã alemão é uma ótima escolha para quem prioriza veículos fortes, potentes e com amplo espaço interno.
Prestes a completar seus 16 anos de história no Brasil, o Volkswagen Jetta é um carro para condutores exigentes, que não abrem mão de performance, conforto e estabilidade.
Saiba mais sobre o sedã a seguir:

 

 

História
O Jetta foi lançado no fim dos anos 70, pela Volkswagen. Naquela época, a montadora alemã precisava de mais um sedã grandioso para atuar diretamente no mercado americano, já que, até então, só tinha o Passat.
Para agregar um custo menor à produção, os modelos iniciais foram produzidos na cidade de Puebla, no México. Logo depois, à fabricação do Jetta foi estendida a outros países como Alemanha e África do Sul.
Após mais de uma década, o sedã mudou de geração e passou utilizar a mesma plataforma do Golf. Por conta da popularidade do Santana, o Jetta começou a ser comercializado no Brasil a partir de 199 – importado do México e com o nome Bora.
Já a quinta geração chegou às terras tupiniquins como Jetta – equipado com o potente motor cinco cilindros 2.5- o modelo era facilmente reconhecido por seu requinte e sofisticação .
A atual geração do Jetta estreou no segundo semestre de 2018 e trouxe um design totalmente reinventado, sem muitas ligações com as versões mais antigas.

Jetta 2.5 Características
Fabricado em Puebla, no México, o Jetta, além de acabamento e desempenho impecáveis, ainda apresentar motor 2.5, de cinco cilindros, capaz de gerar 150 cv de potência a 5.000 rpm e torque de 23,27 kgfm a 3.750 rpm. A combinação de todos esses números resulta em uma excelente performance. De acordo com as informações do fabricante, o Jetta alcança velocidade máxima de de 208 km/h (limitada eletronicamente) e acelera de 0 a 100 km/h dentro de 9,6 segundos.

 

 

Destaques
Sem dúvidas, o câmbio automático de 6 velocidades merece destaque. Afinal, proporciona condução mais esportiva em relação aos sedãs da concorrência. Isso porque, quando o condutor está em uma velocidade acima de 100 km/h em uma rodovia e acelera para ultrapassar, muitos carros reduzem a marcha da quinta para a quarta ou da quarta para a terceira. Em contrapartida, o Jetta, devido ao ótimo escalamento, atribuído por conta das relações mais curtas, reduz da sexta marcha para a quarta ou, até mesmo terceira, garantindo uma ultrapassagem muito mais rápida.

 

 

Design
Outro ponto forte do sedã da Volkswagen é o design. Marcados por linhas clássicas e arredondadas, típicas da montadora alemã, o Jetta chama atenção por onde passa. Além disso, as lanternas traseiras, com elementos circulares, acompanham o formato de outros modelos admirados da marca, como o Passat e o Golf.

 

 

Conforto
Sem dúvidas, quem pretende comprar um sedã, busca por conforto e amplo espaço interno, e nisso, o Jetta realmente não decepciona. Afinal, as versões são praticamente completas, com ar, alto-falantes, vidros e travas elétricos, sistema de frenagem ABS, volante com comandos do rádio e do computador de bordo, controle de tração e airbags frontais e laterais.
Além disso, a lista de opcionais dos modelos é vasta a apresenta acessórios como teto solar, faróis de xenônio, rodas de liga e bancos de couro – ótimas opções para quem exige boa performance nas pistas sem deixar de lado o conforto e o requinte.

 

 

Enfim, gostou do artigo sobre o Jetta 2.5? Se você procura por um sedã forte, potente e espaçoso, com certeza, irá encontrar com facilidade esse clássico da Volkswagen em concessionária ou sites de venda de carros seminovos e usados.
Se esse artigo foi útil para você, compartilhe-o em suas redes sociais e leve essas informações para mais pessoas.