Queijos mineiros no Mundial de Queijos na França

Por Osvaldo Filho @queijodalagoamg (correspondente internacional do Conheça Minas e Portal do Queijo)

Queijo D´Alagoa
 Da pequena cidade de Alagoa, no sul de Minas, Osvaldo Martins De BARROS Filho, fundador da Queijo D'Alagoa-MG, também está presente com 7 queijos: Queijo Alagoinha, Queijo do Sô Batistinha, Queijo Alagoa Pequena, Queijo Faixa Dourada, Queijo Alagoa Grande, Queijo Mantiqueira Real e Queijo do Coronel.

A Queijo D'Alagoa-MG recebeu uma condecoração da Guilde Internationale des Fromagers pelo pioneirismo no Brasil na venda de queijo pela internet, por contribuir com o desenvolvimento local da cidade de Alagoa, por atrair turistas para o município e por ajudar a manter aberta a agência dos Correios.
A medalha foi entregue num jantar oferecido em Tours com a presença dos membros da Guilde neste domingo, 02 de Junho.

Queijo de Cabra de Barbacena
Edson Cardoso e Sandra Cardoso possuem uma produção de queijos de cabra em Barbacena, no Campo das Vertentes
Há 3 anos e meio trabalhando com caprinos e desenvolvendo queijos que são comercializados em todo Brasil.
Na França, o casal Cardoso participou em 8 categorias no Concurso do Mondial du Fromage em Tours, enquanto no Brasil já foram premiados: Super Ouro com o Queijo Terruá Faixa de Carvão no III Prêmio Queijos Brasil, na categoria Cabras, Ovelhas e Búfalas. 

Serra da Canastra
Uma comitiva da Serra da Canastra está presente na França, em Tours, para o Mondial du Fromage.
Sophia Andrade, Higor Freitas, Marco Braga e Maria Lucília transportaram 61 peças de queijos de 36 produtores da região da Serra da Canastra.
A Serra da Canastra é uma das regiões mais tradicionais. Tão conhecida que infelizmente é normal encontrar Queijo Araxá da Serra da Canastra ou Queijo Serra da Canastra de Araxá. O que não é correto.
Pra ser chamado de Queijo Minas Artesanal da região Serra da Canastra o Queijo deve seguir o regulamento da Aprocan- Associação dos Produtores de Queijo da Serra da Canastra. A região contempla 7 municípios: São Roque de Minas, Medeiros, Tapiraí, Piumhi, Bambuí, Vargem Bonita e Delfinópolis.

Queijos de Carrancas na França
A cidade de Carrancas é conhecida pelas cachoeiras. São mais de 50 catalogadas. Todavia, além das margens dos monumentos naturais a produção de queijo artesanal tem ganhado destaque.
O produtor de queijo José Orlando Ferreira, do Queijo Bicas da Serra, está produzindo Queijo Minas Artesanal da região Campo das Vertentes. A produção de 20 queijos por dia já é premiada: Ouro no Concurso Estadual 2018 em São Roque de Minas e Ouro no III Prêmio Queijos Brasil em São Paulo 2017.
Zé Orlando veio à França com a filha Flávia Ferreira e trouxeram 03 queijos: Bicas da Serra Tradicional, Império (com mofo) e o Carrancas (peças pequenas com longa maturação).

Queijos Cruzília e de Araxá
A Queijos Cruzília, laticínio da cidade de Cruzília também está na França para o Concurso
Marly Leite, Marcel e Ana Clara Barros da região de Araxá também estão presentes com queijo Minas Artesanal da região de Araxá.